Tornando a linguagem R padrão para analytics multiplataforma


No ano passado, a Microsoft comprou a Revolution Analytics, fornecedora líder de software e serviços para R, linguagem de programação de código aberto amplamente utilizado para computação estatística e de análises preditivas. De lá pra cá, houve uma grande quantidade de atualizações para o Revolution R Open e para o Revolution R Enterprise, bem como a integração do R com as tecnologias Azure, SQL Server, PowerBI e Cortana Analytics, da Microsoft.

Este mês, o time de Machine Learning da Microsoft anunciou uma extensa lista de atualizações para levar tecnologias de analytics baseadas em R a novas plataformas, desenvolvedores e para a comunidade R. Entre elas estão:

Microsoft-R

“Entregar o Microsoft R Server para múltiplas plataformas permite que sua empresa padronize a tecnologia de análises avançadas em uma única ferramenta, independentemente de usar Hadoop (Hortonworks, Cloudera e MapR), Linux (Red Hat e SUSE) ou Teradata”, escreveu Joseph Sirosh, vice-presidente corporativo do Microsoft Data Group. “Para Windows, o Microsoft R Server será incluído no SQL Server 2016 como SQL Server R Services – e o bundle combinado é mais barato do que o RRE sozinho. Até que o SQL Server 2016 seja lançado, o Revolution R Enterprise para Windows continua disponível como produto avulso.”

Para saber mais sobre essas atualizações e como começar a usar a linguagem R, confira o blog Machine Learning.


Autor: Microsoft Tech